Edição # 91 – junho de 2015 / Sivan - Tamuz, 5775
 Liderança da WUPJ International destaca Connections 2015 no Rio


O presidente da WUPJ, rabino Daniel Freelander, e a nova chair, Carole Sterling, divulgaram carta definindo como "memorável" a realização da 37ª conferência bienal Connections 2015, de 13 a 16 de maio, no Rio de Janeiro, com mais de 300 participantes.

"Estamos muito gratos a vocês, a região mais nova e vibrante da WUPJ, por sua presença e hospitalidade. Estamos ansiosos para fortalecer essa rica parceria, que prevê o crescimento do judaísmo progressista em toda a América Latina, bem como o fortalecimento das maravilhosas congregações que a WUPJ Latin America representa", escreveram.

O texto ainda salientou a necessidade de apoio para os projetos da WUPJ ao redor do mundo e na própria América Latina, com link para receber doações.

Clique aqui para ler a íntegra da mensagem.

 Orgulho para a comunidade judaica brasileira
O presidente da Confederação Israelita do Brasil (Conib),
Fernando Lottenberg
, participou da cerimônia de abertura de Connections 2015 no Grande Templo Israelita do Rio de Janeiro, ressaltando características do judaísmo progressista e a
parceria entre a entidade e a WUPJ.

"É um motivo de orgulho para a comunidade judaica brasileira receber o congresso da WUPJ no Brasil. Acho que o Rio de Janeiro simboliza isso de alguma maneira, também essa capacidade de receber as pessoas de braços abertos, de uma maneira tolerante e plural'', afirmou.

Lottenberg também salientou a importância do trabalho conjunto entre a Conib e a WUPJ para estimular o desenvolvimento das diferentes comunidades judaicas no país.

Clique aqui para ler a íntegra do discurso de Fernando Lottenberg.



 Conferência ganha espaço na mídia


Connections 2015 foi destaque nos veículos de comunicação brasileiro. O jornal O Globo, um dos principais do Brasil, fez uma entrevista exclusiva com o rabino Freelander sobre temas como o judaísmo progressista nos EUA, casamentos inter-religiosos, casamento homossexual, o papa Francisco e o conflito Israel x palestinos.

Leia a íntegra da entrevista aqui.

O programa Comunidade na TV, produzido pela Fierj – Federação Israelita do Rio de Janeiro – produziu reportagens especiais sobre a conferência da WUPJ. Assista ao vídeo aqui.

 Nova Diretoria
No início de Connections 2015, a Assembleia Internacional da WUPJ elegeu a nova Diretoria, com a escolha da canadense Carole Sterling como chair mundial no lugar de Mike Grabiner.

Miriam Vasserman, vice-presidente da WUPJ América Latina, passa a ser membro do Management Committee (Comitê de Gestão) do Executive Board (Diretoria Executiva) da WUPJ.

Dora Lucia Brenner (CIP) passa a fazer parte do Executive Board (Diretoria Executiva) representando a América Latina. Teresa Roth (ARI-RJ) e Mario Ruschin (FJ-Argentina) são os representantes da região na International Assembly.



 Esforço em prol da América Latina reconhecido








A carta de agradecimento da liderança da WUPJ International pela realização de Connections 2015 no Rio de Janeiro cita a homenagem feita a Jerry Tanenbaum durante o encontro.

Na conferência, Tanenbaum passou para o rabino Roberto Graetz o cargo de presidente do grupo Yad B'Yad Task Force, criado em 2002 para apoiar projetos na América Latina após uma delegação da WUPJ International visitar a região.

"Tivemos a sorte de ter Jerry com a gente no Rio e agradecer-lhe por seus anos de liderança dinâmica", escreveram o rabino Freelander e Carole Sterling.

Sob o comando de Tanenbaum, o Yad B'Yad Task Force contribuiu para o crescimento do judaísmo progressista na América Latina, com missões para a troca de experiências, captação de recursos financeiros e planejamento estratégico.

Com a ajuda do grupo criado por iniciativa de Steve e Sandy z'l Breslauer e Jerry e Pat (Z"L) Tanenbaum, a WUPJ-LA, entre outras conquistas, foi capaz de enviar representantes de congregações da região para seminários em Israel; realizar os encontros Lashir Benefesh para cantores e músicas; e dar início Projeto CHUMASH, tradução para o português da obra The Torah: A Modern Commentary, (Revised Edition) - Editado por W. Gunther Plaut e revisado por David E. S. Stein, o Chumash mais utilizado dentre as comunidades norte-americanas. Ele foi recentemente traduzido para o russo a fim de servir àquela comunidade.


 Espaços exclusivos para líderes religiosos, jovens e músicos
A conferência da WUPJ no Rio de Janeiro também foi uma oportunidade única para encontros de diferentes grupos relacionados
ao movimento do judaísmo progressista. Antes do início da Connections2015, aconteceram:

Seminário Mifgash TaMaR onde 35 jovens e futuros líderes comunitários encontraram-se e trocaram ideias e experiências.










A música sinagogal foi tema de mais um Lashir Benefesh – 9ª. edição, capacitação de chazanim, cantores, coralistas, profissionais
e voluntários envolvidos com a liturgia judaica e música sinagogal. Participação especial e oficinas com Neshama Carlebach e Josh Nelson,
vindos diretamente dos EUA.










A Kallah Rabínica reuniu líderes religiosos e rabinos de diversas comunidades do mundo inteiro.





Confira mais fotos na nossa galeria de imagens
 Congregações AmLat marcam presença




As entidades afiliadas da WUPJ na América Latina comemoram
a realização de uma conferência internacional na região,
com a oportunidade de conhecer de perto lideranças do
judaísmo progressista e trocar experiências.

Estiveram presentes em Connections 2015 delegações
das seguintes congregações:

• Argentina: Fundación Judaica, Mishkan

• Brasil: ACIB/Brasília, AIC/Florianópolis, ARI/Rio de Janeiro,
  CIM/Belo Horizonte, CIP/São Paulo, CIP Recife,
  SIBRA/Porto Alegre, SIC/Fortaleza.

• Chile: Concepción, Ruaj Ami

• Guatemala: Adat Israel

Representantes das congregações afiliadas à WUPJ na
América Latina aproveitaram a conferência internacional
para a realização da reunião do conselho regional para
deliberar sobre novos projetos conjuntos para a região.




 Projeto CHUMASH - Tradução feita pela WUPJ-LA é apresentada


O serviço religioso de Shabat realizado durante a conferência Connections 2015 foi um marco para a WUPJ-LA apresentar aos participantes um ambicioso projeto. A WUPJ-LA deu início em meados de 2014 à tradução para o português do Chumash, composto pelos cinco livros de Moisés, as haftarot,além de comentários modernos sobre o texto.

Trata-se de um projeto idealizado pelo rabino Gunther Plaut para oferecer uma alternativa às congregações progressistas.

Mesmo que ainda em andamento, o trabalho de tradução foi apresentado e utilizado para a leitura e estudo das parashiot de Behar-Bechukotai.





 Rabino Panken visita São Paulo e participação especial em Connections 2015
O rabino Aaron Panken, PhD, presidente do Hebrew Union College – Jewish Institute of Religion, aproveitou a viagem ao Brasil para visitar São Paulo, antes de participar de Connections 2015, onde fez um discurso comovente com foco no futuro global do judaísmo progressista, com o tema "Sete continentes, cinco oceanos, três princípios, um movimento: imaginando o futuro global do judaísmo progressista". Link da keynote

Além de conhecer pontos turísticos, o roteiro de Panken em São Paulo incluiu encontros e debates com representantes da comunidade judaica, educadores e jovens, abordando os diferenciais do judaísmo progressista, como o fato de buscar vínculos entre o judaísmo tradicional e o mundo contemporâneo. O rabino apontou como principal desafio do judaísmo progressista a educação. "Precisamos ter certeza de que estamos dedicando tempo e recursos financeiros para fazer as próximas gerações entenderem nossos valores e tradições, conhecerem a Torá, a relação com Israel, a nossa história", afirmou.

Participação também nos serviços de Cabalat Shabat e Shacharit na CIP, encontro com presidente da A Hebraica de São Paulo, Avi Guelberg, com o Cônsul de Israel Yoel Barnea e almoço com dirigentes comunitários.








 Links em destaque
Galeria de fotos
Connections 2015
Encerramento Concerto
Lashir Benefesh 2015
Havdalá
na praia
 
 Perguntas e respostas do judaísmo progressista
Como encontrar uma congregação progressista enquanto estiver viajando?

A WUPJ International incentiva as pessoas que forem viajar a entrar em contato com o rabino Bretton-Granatoor,
no escritório de Nova Iorque, para que ele possa indicar uma congregação progressista em mais de 50 países
ao redor do mundo. O endereço de e-mail do rabino Bretton-Granatoor é gary@wupj.org.
 Anote na agenda! Connections 2017 em Jerusalém!
Conhecimento, análise sobre o futuro do judaísmo progressista e confraternização sempre estão em pauta para a WUPJ.
Ao final do encontro no Rio de Janeiro, já foram anunciadas novas datas de reuniões regionais e internacionais.

O destaque é a 38ª conferência bienal, Connections 2017, em Jerusalém, Israel.

Outras datas que merecem atenção:

De 2 a 12 de julho de 2015 - Bergman Seminar for Jewish Educators, Israel
De 4 a 8 de novembro de 2015: Reunião bienal da URJ América do Norte, em Orlando, Flórida.